Menu Principal

Dicas quentes: os bairros mais seguros de São Paulo para se morar

Está pensando em se mudar? Confira os bairros mais seguros para viver em São Paulo

Quem mora em São Paulo sabe que trânsito, engarrafamentos estresse e violência fazem parte da cidade.

Mas, a violência de São Paulo não é suficiente para fazer da cidade a mais violenta do Brasil. Na verdade, São Paulo tem alguns pontos de maior violência e, acredite, lugares seguros para viver e trabalhar.

Como ninguém quer morar em lugares violentos, correndo o risco de ser assaltado, passar por violência, ou se sentir encurralado, é preciso escolher bem o seu bairro antes de se mudar.

Muitas vezes, pagar um pouco mais, ou escolher um local que não seja tão perto assim do centro pode ter benefícios, como menor preço dos imóveis e, até mesmo a segurança do bairro.

A secretaria de segurança de São Paulo vem, mensalmente divulgando informações sobre a segurança das cidades e bairros da cidade e, aponta quais são os bairros mais seguros e, com menos incidências e ocorrências de furtos e violências.

Então, se você está pensando ou planejando uma mudança, ou vai comprar um novo imóvel, nós preparamos uma lista dos 6 bairros mais seguros de São Paulo para você escolher o seu predileto e, viver tranquilo.

#6. Casa Verde

A Casa Verde é um bairro localizado na zona norte de São Paulo, e um bairro tradicional, muito conhecido pelos seus sambistas e escolas de samba.

Estão sediadas no bairro, as escolas Império de Casa Verde, Morro da Casa Verde e Unidos do Peruche.

A Casa Verde é um bairro residêncial. Por conta do Campo de Marte, localizado no bairro de Santana, até os anos 80 eram poucos  existiam poucos prédios no bairro.

Somente após liberação do comando da aeronáutica, houve liberação de uma parte da faixa proibida e o bairro começou a se verticalizar, dando lugar a alguns prédios.

Por ser residencial, possui pouca vida noturna e, é ideal para pessoas que gostam de repousar e relaxar depois de chegar em casa, aproveitando os ensaios das escolas de samba, aos finais de semana.

Se você gosta da Zona Norte, precisa ter fácil acesso à marginal, ou parte central da cidade, sem se arriscar em bairros mais violentos, a Casa Verde pode ser um bairro ideal para sua nova residência.

Casa Verde faz parte dos lugares mais seguros para se morar em São Paulo.

Casa Verde faz parte dos lugares mais seguros para se morar em São Paulo.

#5. Moema

Moema faz parte dos bairros nobres de São Paulo. Distante de trens e metrôs, fica na zona sul da cidade, próximo à Vila Olímpia, Vila Nova Conceição, Via Clementino, Jardim Lusitânia, Planalto Paulista e Campo Belo.

O nome Moema é uma rferência ao poema Caramuru, de Santa Rita Durão e clássico da literatura brasileira de 1781.

Até o século XIX, Moema era uma propriedade rural, e não um bairro. Atualmente, Moema é um dos bairros com mais qualidade de vida de São Paulo.

O bairro conta com um forte comércio, com lojas de vestuário, calçados, acessórios e grifes internacionais. Além de lojas de moda, Moema se destaca na gastronomia.

Mas não se anime tanto assim, Moema compõe, juntamente com o bairro Vila Nova Conceição, um dos metros quadrados mais caros de São Paulo e, o custo de vida pode assustar.

#4. Vila Nova Conceição

Vila Nova Conceição é um bairro que pertence ao distrito de Moema e, faz divisa com esse bairro.

A Vila Nova Conceição, assim como Moema é fruto de antigas propriedades rurais, que antigamente se chamava Chácara Maria. O progresso só chegou ao bairro em meados do século XX.

O bairro é considerado uma extensão da região do Ibirapuera, uma vez que tem milhares de metros de áreas verdes e lugares muito agradáveis, o que atrai muitos moradores estrangeiros que fixam residência no Brasil.

Apesar de muito querido e desejado, o bairro só começou a crescer após a década de 1950, quando o crescimento populacional chegou à região. Porém, até a década de 1980 era um bairro quase que totalmente horizontal, com pouquíssimos prédios.

O bairro com metro quadrado mais caro de São Paulo chegou à essa posição devido sua arborização e grande quantidade de praças, que atraiu marcas de luxo e se transformou em uma Zona de Valor A, classificada pelo CRECI.

Apesar de um lugar confortável e seguro, adquirir um imóvel no local pode não ser tarefa fácil. Não é difícil encontrar coberturas em edifícios avaliadas em mais de 22 milhões de reais.

#3. Perdizes

Perdizes é um bairro da região centro-oeste de São Paulo, e faz divisa com bairros como Sumaré,  Pacaembú, Cerqueira César, Higienópolis, Vila Madalena e Barra Funda.

As famosas ruas Cardoso de Almeida e Turiassu possuem um comércio bem conhecido, além de faculdades, prédios tombados e construções religiosas muito antigas e conhecidas.

O bairro atrai moradores por conta de suas ruas arborizadas e sua infra-estrutura privilegiada de comércio e serviços, que vem atraindo ao bairro, mais e mais empreendimentos imobiliários de alto padrão.

O bairro de Perdizes, nome herdado pela denominação informal de Campo das Perdizes, como a região era conhecida até 1850, por abrigar muitas perdizes, por conta de suas árvores e vegetação.

É um dos bairros mais seguros de São Paulo, ocupando a terceira posição e, mesmo com as construções de alto padrão e valorização local, é possível encontrar oportunidades viáveis para se morar.

#2. Belém

A segunda colocação pode ser uma surpresa para muitos, mas o bairro de Belém, localizado na região centro leste da cidade é um dos bairros atualmente mais seguros para se viver em São Paulo.

O bairro fica próximo ao centro histórico da capital, e é uma localidade muito marcante para a história de São Paulo, pois foi onde começou a industrialização paulista.

O bairro abrigou, por décadas fábricas de tecido e vidro, que marcaram o início do desenvolvimento industrial da cidade.

Um trabalho conjunto feito entre a subprefeitura e as polícias militares e civis ajudou o bairro do Belém a se valorizar e ser considerado um dos mais seguros para se viver em São Paulo.

Belém surpreende e ocupa a segunda colocação dos bairros mais seguros de São Paulo.

Belém surpreende e ocupa a segunda colocação dos bairros mais seguros de São Paulo.

#1. Mooca

A primeira posição dos bairros mais seguros para se viver em São Paulo é uma grande surpresa. Ninguém imaginou que a Mooca, um bairro da zona lesta paulista poderia estar entre os bairros mais seguros.

Estamos diante de um dos bairros mais antigos de São Paulo, fundado em 1556, e marcado como um dos principais cenários da atividade política e revolucionária do Brasil.

No início do século passado, a Mooca era ocupada, em grande parte por trabalhadores e imigrantes, que vieram de países com pensamento emergente e socialista.

Ainda hoje encontram-se na Mooca, casarões antigos, com suas fachadas em vários estilos, ao lado de modernas residências.

É um dos bairros mais tradicionais de São Paulo que, com um trabalho da subprefeitura da Mooca junto com a secretaria de segurança possibilitou o título de mais segura da cidade.

Qual o seu bairro predileto?

Agora que você já sabe quais são os bairros mais seguros para se viver, é só você fazer uma análise de viabilidade, comparando as localidades com o seu trabalho, escola, faculdades e eleger o seu próximo destino.

Se você quiser, pode ainda dar uma olhada no estudo que inspirou esse artigo, com um mapa da criminalidade de São Paulo para saber quais regiões deve evitar, se estiver buscando segurança.

Agora que você já escolheu seu bairro predileto, pode começar a procurar sua nova casa e, conferir os imóveis à venda em São Paulo.

 

Uma nova forma de negociar imóveis

Tem um imóvel para anunciar? Gostaria de receber mensagens de pessoas interessadas em comprar seu imóvel, agendar visitas e economizar 6% em comissões ao fechar negócio? Só na ProprietárioDireto, onde o vendedor e o comprador se encontram.

 

Anuncie-seu-imovel-botao (1)

 

Imóveis Negociados com Sucesso

 

Cristiane_Venda_Imovel_Vila PrudenteCristiane teve seu imóvel na Vila Prudente alugado em apenas uma semana!

 

taty-pilon-60x60• Usuária da Proprietário Direto vende imóvel em uma semana

 

Juliana_Alugou_60x78• Apartamento na Lapa é alugado em dois meses.

 

Fabiana_60x68• Fabiana vendeu seu imóvel na Vila Mascote em apenas dois meses,

 

Adriana-Melo _Venda_Imovel_60x90• Adriana Melo precisava vender seu apartamento de R$ 280 mil rápido, para pagar um curso que decidiu fazer em Nova York.

 

Thiago_Venda_apartamento_60x60• “Vendi meu imóvel em Guarulhos em menos de 3 meses”